Aumentar o tamanho da fonte   Diminuir o tamanho da fonte
Lista Telefônica E-mail
Facebook Twitter Instagram

Museu da UFPA ajuda a preservar a produção artística regional

Eles são centros difusores de conhecimento e espaços reservados para guardar o que de mais precioso a humanidade possui. Por isso, na semana em que o Brasil comemora a 10ª Semana Nacional de Museus, vamos apresentar mais uma edição do Projeto UFPA em Série. Em quatro reportagens especiais, você vai conhecer os cinco museus que a Universidade possui, entender a importância dessas instituições para a UFPA e conhecer, um pouco, o curso de Museologia, única graduação na área na Região Norte. Boa leitura!


De 14 a 18 de maio, o Brasil comemora a 10ª Semana Nacional dos Museus. Nessa semana, a Universidade Federal do Pará (UFPA) tem muito o que comemorar: além do curso de Museologia, que iniciou em 2009, a Universidade conta, ainda, com mais cinco museus, sendo eles: o Museu da UFPA (MUFPA), o Museu da Anatomia, o Museu de Geociências, o Museu de Zoologia e o Museu Interativo de Física.

O Museu da UFPA foi criado na década de 80, para identificar, difundir, preservar e valorizar a produção artística regional e nacional.  É o único Museu Universitário de Arte na Região Norte e um dos dois únicos museus federais do Estado, sendo o outro, o Museu Emilio Goeldi. Conta com uma biblioteca que é referência no Pará, com peças de áudio, vídeo, livros, revistas e cartuns.

Acervo - O Museu da UFPA é, diretamente, ligado à Reitoria da Universidade e tem o apoio da Associação dos Amigos do Museu da UFPA e de um Conselho Curador próprio. Atualmente, o Museu conta com um total de, aproximadamente, 3.900 peças e possui um acervo diversificado, no qual se incluem as artes plásticas em suas distintas manifestações: pinturas, desenhos, gravuras, instalações, esculturas, fotografia, objetos e cartuns, separados em oito coleções, sendo uma delas de Arqueologia Urbana, feita de fragmentos encontrados em escavações do jardim do próprio Museu. A Coleção de Cartuns é a maior do Museu e conta com cerca de 2.900 obras.

Segundo a diretora do MUFPA, Jussara Derenji, “a existência do Museu da UFPA consubstancia o papel que a Universidade desempenha na região, desde seu surgimento, na criação, preservação e divulgação da arte brasileira”. O Museu leva exposições, mostras, palestras, seminários e atividades educativas à comunidade, além de ser o único museu de Belém com entrada franca.

No mês de maio, até o dia 20, o MUFPA continua com a Mostra “Para ter de onde se ir”, do fotógrafo Miguel Chikaoka. Além disso, o espaço abriga parte da programação da 10ª Semana Nacional de Museus, cujo tema deste ano é “Museus em um mundo em transformações: novos desafios, novas inspirações".

Ação - Durante a comemoração, o Museu fará, do dia 15 ao dia 20 de maio, uma Ação Educativa, com a exibição de filmes, e uma Visita Guiada. Além disso, a programação terá um show musical com apresentação dos alunos da Escola de Teatro e Música (ETDUFPA), no dia 17, a partir das 10h. No dia 18, às 10h, acontecerá uma mesa-redonda com o tema "Mundo sem Fronteiras: as mudanças produzidas pela evolução midiática", um bate-papo mediado pela diretora do Museu, Jussara Derenji, entre os artistas Luiz Braga, Paulo Barradas e Ruma. 

Clique aqui para acessar a programação completa.

>> Leia nesta terça: UFPA é a única instituição federal da Região Norte a ofertar uma graduação em Museologia

Serviço
Museu da Universidade Federal do Pará (MUFPA)
Horário de funcionamento:
Terça a sexta-feira, das 9h às 17h
Sábado, domingo e feriado, das 10h às 14h
Av. Governador José Malcher, 1192 – Nazaré.

Texto: Anne Beatriz Costa – Assessoria de Comunicação da UFPA
Fotos: Alexandre Moraes

Publicado em: 14.05.2012 18:00